Pendrives e cartões SD são responsáveis por 30% das infecções em PCs

 
Cerca de 30% das infecções em computadores por malware são realizadas por meio de mídias removíveis, como pendrives e cartões SD, de acordo com a empresa de segurança Kaspersky Lab.
Ataques por meio desses dispositivos podem servir para duas finalidades: o agressor pode usar malwares capazes de detectar quando o USB é conectado a fim de infectar computadores, com a esperança de que a unidade infectada será conectada a outras máquinas, espalhando o vírus. E eles também podem ser usados para roubar informações diretamente das máquinas, o que poderia ser prejudicial para qualquer pessoa que tenha dados confidenciais armazenados em seus sistemas. 
Além disso, o tamanho compacto destes dispositivos faz com que eles sejam fáceis de serem perdidos ou roubados.
Em 2012, por exemplo, duas usinas americanas foram invadidas por crackers quando um funcionário trouxe um pendrive infectado para as instalações. Embora este caso seja extremo, serve como prova dos danos que essas unidades podem causar.
Para se manter seguro, basta tomar alguns cuidados como: configurar o sistema operacional para bloquear a execução automática do dispositivo, instalar soluções de segurança na máquina e mantê-las sempre atualizadas, manter softwares no computador sempre atualizados, bloquear o PC para que não execute automaticamente unidades removíveis, não copiar arquivos executáveis, e manter arquivos pessoais e corporativos separados – especialmente se o pendrive for compartilhado por colegas de trabalho.
Via: IDGNow

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s