Twitter torna público seu pedido de IPO. Meta é captar US$ 1 bilhão


O Twitter liberou hoje para o público o documento oficial, ou prospecto, do seu pedido de abertura de oferta pública de ações (IPO). Com isso a empresa liga o cronômetro para sua abertura de capital e agita o mercado. A sigla escolhida para a Bolsa, que foi objeto de apostas no mundo todo, é TWTR, mas não especifica em que Bolsa será negociada.
O prospecto do Twitter – que foi enviado à SEC no mês passado – torna públicos os dados de faturamento e usuários da empresa, assim como abre o valor mínimo de captação de recursos que a empresa quer obter com a abertura de capital: US$ 1 bilhão. Agora a empresa tem três semanas até iniciar seu road show com potenciais investidores no país
Como toda empresa de internet que tem seu IPO ansiosamente esperado, a correria do mercado é para ver no documento os números que refletem os dados da realidade da companhia e que vão acelerar a corrida pela compra de ações (ou não). No prospecto, o Twitter declara ter 215 milhões de usuários ativos em junho de 2013 e divulga faturamento de US$ 317 milhões em 2012 e US$ 253 milhões na primeira metade de 2013.
O documento também mostra que apesar do crescimento expressivo da receita a empresa tem tido prejuízo. Em 2012 o prejuízo líquido foi de US$ 79 milhões e na primeiro metade de 2013 a empresa teve perdas de US$ 69 milhões. Mesmo após ajustes de compensação e outros itens como depreciação, o prejuízo ainda se mantém (US$ 35 milhões em 2012 e US$ 26,8 milhões na primeira metade de 2013). A empresa tem em caixa US$ 164 milhões, mas seu fluxo de caixa é negativo, portanto está consumindo o caixa para compensar a diferença.
Segundo o prospecto, a média diária de usuários ativos é de 100 milhões, que geram 500 milhões de tweets diários. Com um discurso de presença mundial, o prospecto informa que os usuários estão distribuídos em “praticamente todos os países” do mundo. Cita a importância da ferramenta de microblog para diferentes tipos de pessoas, empresas e entidades, citando líderes políticos, artistas, atletas, marcas, empresas de mídia e empresas em geral como produtores e distribuidores de tweets no mundo todo.
No segundo trimestre de 2013, de acordo com o documento, mais de 1 milhão de sites exibiram tweets em suas páginas e foram gerados 30 bilhões de impressions de tweets no mesmo período fora do site oficial.
Via: IDGNow
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s