Dois livros contam as histórias secretas da Amazon e do Twitter

Duas novas biografias sobre empreendedores e suas empresas famosas vão ser leitura obrigatória nesses próximos meses. A primeira, programada para ser lançada em 22 de outubro, conta a “verdadeira” história da criação da Amazon e sua transformação na maior “Everthing Store” (loja de todas as coisas) da história.
O livro chama-se THE EVERYTHING STORE: Jeff Bezos and the Age of Amazon (editora Little, Brown and Company) e foi escrito por Brad Stone, jornalista sênior da Bloomberg Businessweek. Ele é o tema da capa da revista da próxima semana, que vai para as bancas dos EUA em formato impresso nesta sexta-feira (11/10) mas que pode ser comprada em formato digital na iTunes store hoje à noite.
bezos capa businessweekStone entrevistou centenas de amigos, ex-amigos e pessoas que de alguma forma se relacionaram com o fundador da Amazon, Jeff Bezos, ao longo desses anos. E o resultado, segundo o autor, é um relato surpreendente de como Bezos construiu uma empresa que hoje vale US$ 75 bilhões e briga com a Wal-Mart como loja, com a Apple como fabricante de dispositivos móveis e com as grandes empresas de TI na área de datacenters e big data.
Para quem gosta do estilo Bezos há muito combustível. Uma das histórias é sobre o temido email com um ponto de interrogação que Bezos envia para os responsáveis sobre uma área da empresa que tenha sido objeto de um email enviado por um consumidor diretamente para ele (seu endereço de email é público e ele realmente abre as mensagens, segundo o livro. Se quiser fazer o teste: jeff@amazon.com). Segundo Stone, receber tal email é motivo de pânico e correria para descobrir o que aconteceu, preparar um relatório detalhado sobre o problema e rezar para que a explicação convença o chefe.
O segundo livro, programado para lançamento em 5 de novembro chama-se Hatching Twitter: A True Story of Money, Power, Friendship, and Betrayal (que pode ser traduzido como Chocando o Twitter: Uma história real sobre dinheiro, poder, amizade e traição). O livro foi escrito pelo jornalista do The New York Times, Nick Bilton, e o título do artigo publicado ontem pelo jornal com o resumo da história dá o tom da narrativa “No amor e no Twitter, vale tudo”.
 
Bilton é ácido ao contar como nasceu afinal o Twitter e como foi alimentado e cuidado até chegar à fase atual, de bater asas e lançar seu IPO. Como a data da oferta pública de ações do Twitter está possivelmente marcada para meados de novembro, Bilton e sua editora não escolheram momento mais feliz para lançar a biografia.
Ambos os livros são relatos jornalísticos e resultado de um intenso trabalho de reportagem e entrevistas, portanto nenhum deles pode ser considerado “biografia autorizada”. Certamente não no caso do livro de Bilton, que transforma o nascimento do Twitter uma quase novela das oito, com direito a lances de traição, vaidade e puxadas de tapete que não combinam com o jeito “cool” de ser das startups que nascem no vale do silício.
Segundo Bilton, embora a lenda urbana diga que Jack Dorsey, ex-CEO e atual chairman da empresa, foi quem teve a idéia original do microblog (história essa confirmada com detalhes intesos pelo próprio Dorsey), a verdadeira história aponta para Noah Glass, um jovem executivo da Odeo (a startup fundeada por Evan Williams da qual o Twitter nasceu), que teria não só pensado em transformar updates do Twitter em uma conversa entre amigos como também seria o autor do nome.
Os dois livros já estão em pré-venda na Amazon (achou que seria diferente?) e um bom trecho de cada um deles, escrito pelos próprios autores, pode ser lido na Bloomberg Businesweek e no The New York Times.
SERVIÇo: Para encomendar seu livro, em formato impresso ou kindle, clique nos nomes a seguir – Hatching Twitter: A True Story of Money, Power, Friendship, and Betrayal e THE EVERYTHING STORE: Jeff Bezos and the Age of Amazon
Via: IDGNow

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s