A saga do Windows 8.1 – Samsung entra na investigação

Samsung entra na jogada
Esta é a terceira parte da série de reportagens A saga do Windows 8.1. Leia aqui a parte um e a parte dois.
Depois da malograda atualização para o Windows 8.1, as tentativas convencionais para restaurar o Ultrabook não deram certo. A solução foi recorrer ao fabricante.
A equipe do INFOLab tentou tudo o que era possível para recuperar o notebook compacto Samsung Série 5 Ultra Touch e instalar o Windows 8.1. Mas, mesmo com o reforço do técnico americano da Microsoft, que entrou remotamente na máquina, não teve jeito.
Depois de alguma conversa e pesquisa suspeitávamos que o sistema poderia ter interferido no software da BIOS. As três tentativas com utilitários diferentes para fazer o rollback do software da BIOS foram frustradas. Ou faltava permissão para executar o procedimento ou era um erro de versão mais nova em uso. Poderíamos tentar intervenções mais agressivas no hardware, mas assim o usuário comum não teria uma solução. A única possibilidade era iniciar a máquina no Windows 8.0 através do software de recuperação da Samsung com o fatídico procedimento de remover a conexão do HD. Mas cada vez que o sistema era atualizado e reiniciava para completar a atualização, lá estava ela, a tela azul, a famosa BSOD.
Samsung entra na jogada
Pela recomendação da equipe da Microsoft, e baseado na nossa experiência, nossa última cartada foi acionar a fabricante Samsung. De antemão, sabíamos que eles tinham acesso a ferramentas que ninguém possui (geralmente utilizadas no suporte e na fábrica). Quando fizemos contato com a marca coreana, foi-nos colocado que uma possibilidade radical era de que, para resolver alterações no hardware seria necessário um tratamento radical: substitui-lo. OK, seria uma solução rápida – e drástica. Só que não era o tipo de solução que queríamos. Era preciso entender o que havia acontecido durante o processo de instalação. E porque eles tinham afetado máquinas como a minha. Na INFO temos o compromisso de descobrir como a tecnologia funciona e como, na ocasião de um problema, solucionar. Todos ganham com esta postura.
A primeira pista que nos foi dada foi a declaração: “Testes com o novo Windows 8.1 e as máquinas até foram realizados: o problema é que nem sempre as simulações conseguem mostrar todas as particularidades que a introdução de um novo sistema trazem”, explicou um técnico da fábrica da Samsung, em Campinas, Estado de São Paulo, durante o encontro no laboratório da Samsung, no bairro do Paraíso, em São Paulo, quando fomos deixar a máquina para análises “Os relatos que temos do pessoal da Coreia do Sul é que estão mesmo acontecendo problemas de compatibilidade da BIOS em algumas placas”. Nas palavras do técnico, “era ridículo um software mexer no serial da BIOS”.
Samsung entra na jogada
Para a investigação, os técnicos da Samsung contavam com um instrumento precioso, que não está à disposição de usuários comuns: o Admin Tool, uma ferramenta, acessível apenas aos fabricantes que conseguiria recuperar o sistema. Já era um bom começo. Outra estratégia dos técnicos da Samsung seria tentar expor o registro das alterações da máquina, enviá-lo para a matriz, em Suwon, nos arredores de Seul para entender o que tinha acontecido. Em uma introdução massiva como a do novo sistema uma evidência era de que nem todas as máquinas tinham sido testadas.
Enquanto minha máquina esperava o veredito dos coreanos, outros problemas eram relatados durante atualizações para o Windows 8.1. Aqui no Brasil, um usuário chamado Messias, queixava-se em um fórum que depois da atualização, não dava mais para aumentar ou diminuir o brilho do monitor e o som do seu PC. No site da PC Pro, uma recomendação era desinstalar drivers “Sentinel Runtime”. Um site australiano, o Whirpoool, indicava problemas com um dos drivers, o AMD Radeon Hybrid, que aparecia como bloqueado. Apesar dos problemas com periféricos serem comuns,  a máxima de esperar mais usuários instalarem o sistema antes de se aventurar, parece que faz mais sentido do que nunca.
*Retificação: Em contato com a Samsung, fomos informados que o Admin Tool não tem acesso à BIOS, somente ao Master Boot Record (inicialização). 

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s